Outono

Se aprendia no colégio que é a época do ano que as folhas começam a cair, encerrando um ciclo….Depende do ponto de vista… Muito mais do que se desprender dos galhos, elas emprestam um colorido muito especial a esta época. A Serra Gaúcha tem aproveitado bem o seu amarelo-laranja-vermelho para enfeitar ruas, pátios e estradas…. Os cenários que se criam, são exuberantes e em nada devem ao que já vimos em fotos de outros cantos do mundo, que pareciam distantes demais para serem verdadeiros….

Várzea Grande

É o nome da estação de trem da antiga e extinta linha Porto Alegre-Canela uitlizada para o transporte de passageiros e cargas em grande parte do século XX. Localizada em Gramado (bem perto do pórtico de entrada de quem vem de Três Corôas) seu prédio foi recentemente recuperado e transformado no Espaço Cultural Estação Férrea Várzea Grande, com um Museu que conta um pouco do pioneirismo deste tipo de transporte na região. Incrível é ver como foi desafiada a subida íngrime da serra entre Taquara e Gramado…. O trem as vezes tinha até que andar de ré para contornar as curvas….
Além de documentos e fotos, o Museu conta também com réplicas de trens e até um pedaço dos trilhos originais… Sempre é bom lembrar o que já dissemos aqui: conhecer as dificuldades enfrentadas por nossos antepassados, ajuda o nos inspirar para os desafios do futuro…

Lagoa de Itapeva

Já falamos um pouco da região da Lagoa no começo deste blog em Ponto de Partida II. É a maior do litoral norte gaúcho… Com um formato alongado possui mais de 31 km de extensão no sentido sudoeste-nordeste. Ainda pouco ocupada e utilizada (como todas as outras da região) já desperta a atenção e o interesse de quem quer navegar por suas águas ou simplesmente descansar às suas margens… Toda a região como vimos insistindo neste espaço, pode muito mais…Afinal, ainda se tem bastante espaço a ser conquistado e explorado… no bom sentindo é claro. Conhecer mais o espaço natural (que nos dá o sustento e conforto material) é importante para um desenvolvimento harmonioso. A riqueza da região pode ser usufruída de diferentes formas…. O que importa é conhecer e apreciar estes recursos, para que se possa usufruí-los das mais variadas formas por esta, e por outras gerações…