Ferrovia do Trigo – Túneis, viadutos e belezas do Vale do Guaporé

Scroll down to content

Perto da cidade de Muçum onde o Rio Guaporé encontra o Taquari, uma estrada de chão conduz o viajante a um impressionante conjunto de paisagens. E não é um trecho qualquer. Afinal, ao longo do percurso se vislumbra o espetáculo das águas deste importante rio, correndo mansamente em meio a verdejantes campos com montanhas ao fundo. A situação da estrada que em boa parte está em um nível mais elevado em relação ao leito do rio, potencializa e amplia ainda mais esta visão. Mas o grande diferencial que também encanta, é o conjunto de viadutos e túneis da belíssima Ferrovia do Trigo que acompanha do outro lado o caminho dos veículos. Esta bela estrutura erguida nos anos 1970, chegou a receber por alguns anos trens de passageiros, mas foi o transporte dos grãos que lhe dá nome, o seu carro chefe, com algumas composições em menor número ainda circulando por ali. Incluindo a passagem pela belo Viaduto Brochado da Rocha que cruza além de ruas da cidade de Muçum, o Rio Taquari onde se transforma em uma ponte rodoferroviária. Mas a magnitude de túneis furando morros para subir do vale ao planalto, e os viadutos que permitem uma vista ainda mais bela do vale, impulsionaram os sonhos da volta das pessoas aos trilhos. Principalmente para se encantar com este espetáculo da natureza, como tem feito nos últimos anos os que subiram ao maior de todos, o Viaduto 13. E ele, que é um dos maiores do mundo e do qual falaremos mais em outros conteúdos, tem atraiu tanta gente, que teve ampliada a sua fiscalização, pois é proibido a permanência de pedestres sobre os trilhos. Mas este sonho de percorrer este trecho se materializou e um trem turístico já está circulando durante alguns dias do ano. Para levar não somente os que gostam de voltar no tempo da predominância do balanço dos vagões, mas também dos que não se cansam de admirar as impactantes paisagens naturais do Vale do Rio Guaporé…

Quer fazer passeios no Rio Grande do Sul, ou adquirir ingressos para várias atrações da Serra Gaúcha, ou mesmo para o Trem dos Vales? Então clique no botão abaixo e escolhe o que fazer com empresas parceiras…

4 Replies to “Ferrovia do Trigo – Túneis, viadutos e belezas do Vale do Guaporé”

  1. Morei em Muçum na epoca da construçao. Meu marido era Cap da Cia do batalhao sediado em Muçum e meu pai era o comandante do 1° Batalhao Ferroviario, com sede em Lages. Cap Magalhaes e Cel Pinho, respectivamente.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: