Um patrimônio de dois séculos e meio, a lagoa e o rio em Taquari.

Scroll down to content

Nas margens do rio de mesmo nome, a cidade gaúcha de Taquari possui uma história de mais de dois séculos. Formada principalmente por imigrantes açorianos, é centralizada como quase sempre por uma igreja católica, que neste caso é de 1768, uma das mais antigas do Rio Grande do Sul. Fazendo homenagem a São José, o templo abriga uma imagem do santo que teria sido doada pelo reio de Portugal. Ali bem perto na mesma praça, está mais um testemunho desta trajetória, o segundo jornal mais antigo do estado ainda em atividade, O Taquaryense, acompanhado de um belo casario. Mas este patrimônio é claro, não está só no centro. O Bairro Praia mais próximo ao rio e sua barca, também possui uma arquitetura antiga de encher os olhos. E a natureza também demonstra a sua beleza na ampla Lagoa do Armênia, um lugar devidamente valorizado com o Parque Zeferino Brasil no seu entorno. O nome é daquele que é considerado pelos taquarienses como o príncipe dos poetas… E arte por ali não se restringe apenas às poesias. Uma quadra acima da lagoa está o Teatro São João inaugurado em 1893 e que está neste 2020 em processo de restauro. Mostrando que a comunidade está atenta e interessada na preservação deste rico patrimônio histórico, que não se restringe ao que contamos neste conteúdo, e tem muito mais a nos encantar…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: