Surpresas de Arroio Bonito no Vale do Caí

Scroll down to content

Trilhar caminhos é uma forma única para desvendar lugares e paisagens especiais, e se surpreender com detalhes encantadores. E buscamos muitas vezes, simplesmente percorrer com um olhar atento, estradas vicinais em meio a comunidades como Arroio Bonito no Vale do Caí, que uma parte pertence a cidade de São Sebastião do Caí e outra a São José do Hortêncio.

E sempre tem uma pequena igreja acompanhada de um cemitério encravada na paisagem, pois é algo comum nesta região. E logo no começo de manhã fria de primavera, nos deparamos com uma igreja luterana, que tem como vizinho além dos túmulos, um par de prédios antigos, que apesar de precisarem de restauro, não perdem a beleza. O antigo armazém em estilo enxaimel e o casarão de 1924, ambos aparentemente sem uso, surpreendem aos que passam nesta estrada que não faz muitos foi asfaltada.

E foi seguindo por esta estrada que liga São Sebastião do Caí a São José do Hortêncio, lugar que ainda falaremos mais, que nos deparamos com mais uma igreja luterana a olhar para o cemitério do outro lado… Duas datas despontam em cima da porta, indicando ser provável que tenha sido erguida em 1876 e concluída em 1927, talvez já com a torre que só foi permitida após a Proclamação da República em 1889… Esta segunda “comunidade” que acreditamos também ser Arroio Bonito, onde tem inclusive uma sociedade chamada Alegria, fica já em São José do Hortêncio.

Nossa jornada seguiu, para desvendar um lugar talvez pouco conhecido, e que achamos graças a um outro viajante como nós, que mostrou em um vídeo como chegar… Trata-se de uma antiga ponte de madeira, sobre o arroio da Vigia, que possui inclusive um telhado para protegê-la das chuvas. Comum em tempos passados, poucas delas resistiram… E ali bem perto testemunhamos, depois de percorrer uma trilha com suas dificuldades naturais, mais uma caverna onde teriam habitado indígenas. Sempre se pensa que lugares como este, poderiam ter sido assim utilizados, mas neste caso a entrada é bem pequena… Uma santa no paredão de pedra, e variadas inscrições de nomes mostram que, na realidade visitantes bem mais recentes circularam por ali…

Percorrer estes lugares longe de curiosos olhos de muitos, traz a paz de se estar quase sempre em uma caminhada solitária, preenchida, no entanto com riquezas sem fim. O sentimento transmitido por detalhes do percurso, sempre vais nos alimentar com algo positivo… Que nos inspira a trazer mais destes momentos nos nossos espaços, em um presente para aqueles que nos acompanham…

Quer fazer passeios no Rio Grande do Sul, ou adquirir ingressos para várias atrações da Serra Gaúcha, ou mesmo reservar um hotel em qualquer lugar? Então clique no botão abaixo e escolhe o que fazer com empresas parceiras, e venha para os destinos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: