História e belezas do antigo Moinho Hillebrand

Scroll down to content

Foi de um imigrante vindo do Reino da Boêmia, que pertencia o Império Austro-Húngaro, a iniciativa de erguer um moinho na localidade de Linha Imperial em Nova Petrópolis. Usando o conhecimento que trazia na bagagem, e com a coragem e esforço exigidos destes pioneiros, Josef Hillembrand começou a trabalhar no seu empreendimento em 1878.

Durante muitos anos as pedras de moagem, trituraram grãos principalmente de trigo e milho, que eram trazidos por outros colonos que como ele, começavam a vencer as dificuldades iniciais. Este embrião das modernas indústrias, prestava o serviço que agregaria valor a produção agrícola da região. Muitos pães e bolos devem ter sido feito com os grãos saídos dali… O lugar aproveitava a energia da roda, que girava com a correnteza de um córrego, para também movimentar máquinas que serravam a madeira, em uma segunda atividade realizada no mesmo prédio.

Faltou só um ano para que se celebrasse um século de bons serviços prestados, deste emblemático moinho. Em 1977 ele encerrou a sua jornada industrial, para ser revalorizado como patrimônio histórico e cultural, já no começo deste século. Com a devida valorização de toda a esta história e cultura, passou a receber visitantes ávidos por conhecer a saga desta gente, e de seus empreendimentos. O ambiente do entorno cercado de verde, nas margens da RS 235 que liga Nova Petrópolis a Gramado, cede espaço no outono, ao amarronzado dos plátanos que lhe dá um colorido único… Há planos, a partir da primavera de2022, de aproveitar todo este espaço para que o visitante possa adquirir produtos típicos da região, e consumi-los na beira do arroio embaixo desta árvore símbolo da Rota Romântica. Na companhia de anos de história, protagonizados principalmente pela família Hillebrand que segue a frente do empreendimento, já na quarta geração…

Ao visitar o lugar, se pode usufruir mais da propriedade, pois a poucos metros do Moinho está o Museu Alberto Hillebrand que já mostramos em conteúdo recente. E este conjunto histórico é um verdadeiro centro da cultura da trajetória deste povo e seus descendentes, devidamente registrada e valorizada. A antiga região de onde vieram, hoje faz parte de República Tcheca, e o reconhecimento e intercâmbio deste país europeu, se faz presente neste novo século. Há inclusive uma placa alusiva a esta relação na entrada do lugar… Mais um emblemático exemplo, de que o Rio Grande do Sul, tem muito a mostrar. Principalmente com respeito a sua história com o velho continente, que segue sendo relembrada, mas também continuamente desvendada de forma surpreendente…

Quer fazer passeios no Rio Grande do Sul, ou adquirir ingressos para várias atrações da Serra Gaúcha, ou mesmo reservar um hotel em qualquer lugar? Então clique no botão abaixo e escolhe o que fazer com empresas parceiras, e venha para os destinos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: